Cartier Bresson
Cartier Bresson
“O osso da ostra
A noite da ostra
Eis um material de poesia”

 

Manoel de Barros, Passeio 6